Dos balbucios às primeiras palavras: como incentivar a fala da criança?

Quer estimular seu bebê a falar?? Confira as dicas do post de hoje!
Nós, quando nos tornamos pais, ficamos ansiosos para diversos marcos na vida dos filhos, como a introdução de alimentos, os primeiros passos e as primeiras palavras!

Geralmente, o bebê começa a emitir sons parecidos com sílabas, como “ma” e “pa”, por volta de 6 meses de idade. Já as palavras completas costumam aparecer aos 12 meses, e as frases aos 3 anos.

Mas é possível estimular a fala de seu filho durante esse período de constante desenvolvimento com jogos e simples interações do dia a dia!

Confira abaixo 6 dicas especiais da Pediatria Descomplicada:

  1. Converse com seu filho: Ainda que o bebê não entenda completamente o que você diz, é importante que os pais conversem muito com os seus filhos e demonstrem interesse quando ele estiver verbalizando algo. Essa recomendação se dá principalmente porque a compreensão é desenvolvida anteriormente à habilidade de falar.

Por isso, converse com o bebê sempre que possível! Ele aprenderá as primeiras palavras com você e com as pessoas mais próximas! Quando for trocar a fralda, fale o que está fazendo, como “hora de limpar a fralda suja”, ou quando for passear, apresente as árvores e os animais que estão a sua volta.

  1. Conte histórias: Ler tem tantos benefícios! Sempre que possível, conte histórias. Imite o som dos personagens e acrescente gestos a imitação. Isso ajuda também a relacionar a palavra ao seu significado, por exemplo: o personagem está com fome? Que tal passar a mão na barriga enquanto imita a voz dele falando “fome”?!

Você também pode imitar o som dos elementos da história, como som de buzina, de chuva, etc.

  1. Aposte em brinquedos que emitem sons: Você já deve ter visto um daqueles livros interativos com botões que emitem a voz dos personagens, certo? Então! Esse tipo de brinquedo é ótimo para estimular a fala.

E eles existem em vários formatos e tamanhos! Livros, carrinhos, pelúcias, bonecos… São tantos. Ao imitar a voz do personagem, animal ou objeto, a criança acaba atraída por aquele som e pode tentar imitá-lo ou associar o som ao seu significado! Além disso você mesmo pode imitar o som dos personagens, dos animais e objetos para ajudar no estímulo!

  1. Cante sempre: É comprovado que a música causa diversas reações em nosso organismo. Desde a gestação, é comum que as mães cantem para os bebezinhos, e após o nascimento você pode manter esse costume!

A música tem diversos benefícios para o estímulo da linguagem oral, tais como as repetições e as rimas. Esses elementos ajudam na memorização das palavras. E você não precisa se limitar: pode cantar desde galinha pintadinha até baby shark! O importante é usar a criatividade.

  1. Estimule pedidos: quando o bebê quiser algo, ainda que seja quase inconsciente oferecer a ele logo de cara, tente pedir para seu filho pronunciar aquilo que ele quer. É claro que ele não vai acertar de primeira, vamos com calma!

As primeiras palavras provavelmente soaram incompletas e embaralhadas, mas já é um ótimo começo! Sempre que for entregar um copo de água, por exemplo, fale “água” antes de entregar. Isso ajuda na associação, memorização e verbalização da palavra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezenove − 5 =